Av. Salvador Milego, 972 - Sorocaba - SP - (15) 3329-7253    (15) 99810-6160 - atendimento@autocenterbrisola.com.br - De Seg. a Sex. das 8:00 às 18:00 - Sáb. das 8:00 às 13:00

Limpeza de Bico

Se existe um serviço polêmico em toda a área da Manutenção Automotiva, este se chama Limpeza de Bicos. Aprovada por uns, reprovada por outros, a limpeza de bicos injetores quando aparece no orçamento quase sempre gera um interrogação enorme na cabeça do proprietário do veículo: “Será que ela é mesmo necessária?”. O que complica, é que uma limpeza de bicos em modelo popular não sai por menos de R$ 70,00 e muitas vezes tal serviço não é devidamente realizado.

Por dentro das Válvulas Injetoras:
Trata-se de uma válvula eletromagnética, que funciona a partir do movimento de um induzido(a agulha da válvula) pelo efeito do campo magnético produzido por uma bobina. A válvula é composta por:
– Carcaça com bobina e sua devida conexão;
– (Válvula)Agulha móvel com induzido;
– Assento da válvula;
– Mola;
– Pré-filtro;
– Anéis de vedação(o-ring).

Quando a ECU não manda tensão para a válvula injetora, esta encontra-se sobre pressão da linha de combustível(da bomba elétrica contida no tanque, geralmente 3bar.), a pressão juntamente com a força da mola mantém a agulha na sua sede, vedando qualquer passagem de combustível pela válvula. No momento em que a ECU manda sinal para a válvula, o campo magnético gerado pela energização da bobina atraí o induzido, no caso a agulha, liberando a passagem de combustível pelos orifícios calibrados da válvula.

A vazão(volume de combustível injetado por unidade de tempo) é definida pelo diâmetro dos furos e pela pressão da bomba do sistema.
Obviamente, a função válvula injetora é injetar o combustível, para que este seja utilizado no tempo de combustão do motor, mas a forma como esse combustível deve ser injetado é que é importante. O combustível deve ser injetado de forma pulverizada para que sua mistura com o ar seja a mais homogênea possível, e que o mínimo de combustível seja perdido.

Onde o bicho pega:
A causa da limpeza de bicos é muito a atribuída a qualidade do nosso combustível(Nível de contaminação), de fato, ela não ajuda. Porém, a gasolina possui diversos hidrocarbonetos, todos misturados e cada um com uma função diferente. Esses hidrocarbonetos podem oxidar em determinadas condições, mais especificamente quando em condições de calor e em contato com o ar. Em outras palavras, é quando a gasolina está estocada que ocorre sua oxidação.

Acontece que a gasolina quando em contato com o ar e calor, oxida, e produz uma espécie de goma. Inicialmente essa goma pode ficar suspensa pelo combustível, mas a reação pode também se agravar, e a goma vir a formar um verniz, este muito perigoso. A goma possui aspecto resinoso e pegajoso quando quente, ao esfriar endurece formando um tipo de verniz.
Este fenômeno é muito comum na gasolina, é uma característica dela, embora com uso de aditivos para prevenção sua incidência diminua, entretanto impedir que aconteça até agora parece impossível. Existem dois pontos conhecidos onde esses fenômenos geralmente acontecem, no tanque e nas válvulas injetoras(este conhecido como Heat Soak).
O sistema fica contaminado devido a goma estar em solução nos seus primeiros momentos, alcançando diversos pontos do sistema de alimentação, com o aumento da temperatura a goma chega ao seu estágio resinoso, é também quando se estabelece em algum ponto do sistema. Com a parada do sistema(motor desligado), a temperatura cai, então goma endurece e forma o verniz. Este verniz é muito característico por entupir, travar e queimar bicos, válvulas e a bomba de combustível.
Entupimento das Válvulas Injetoras:

Muito próximas do cabeçote (região mais quente do motor), as válvulas injetoras estão expostas a níveis consideráveis de temperatura, que durante seu funcionamento pode não prejudicar, mas quando o motor é desligado, a gasolina contida nos bicos fica totalmente exposta as altas temperaturas, o que provoca a ebulição da mesma, e claro, a produção da goma em seu interior, a temperatura do motor diminuí com o tempo, e então o goma passa para o estágio verniz.

As consequências disto são o travamento da agulha, obstrução do jato de combustível, entupimento e em casos extremos seu entupimento a inutilização da válvula.

Diagnóstico:
O mais comum dos sintomas são marcha-lenta irregular, perda de força na arrancada e falhamentos, porém, estes sintomas também podem ser atribuídos a outras falhas. É neste ponto que muitos reparadores pecam, pois por ser um processo relativamente rápido, alguns realizam a limpeza de bicos com a esperança – sem nenhum critério ou teoria – de que o problema se resolverá, e quando isso não ocorre o cliente acaba pagando por um serviço que não deveria ter sido executado e que não fez diferença nenhuma.

Mais resistentes a formação da goma, as válvulas injetoras atuais são classificadas como auto-limpantes pelas montadoras, motivo pelo qual as mesmas não recomendam a limpeza de bicos, embora algumas vezes no dia a dia das oficinas isso não se concretize…

Gaste menos, aprenda a evitar o problema:
Não há uma regra para determinar quando realizar uma limpeza nas válvulas injetoras, mais fica claro que algumas situações devem se evitadas para que não se tenha essa necessidade:
– Utilizar o veículo em curtas distâncias;
– Abastecer em postos sem procedência conhecida;
– Se possível, prefira a gasolina aditivada ao invés da comum(ler matéria sobre Gasolina Aditivada);
– Na atrasar as manutenções preventivas;
– Sempre trocar o filtro de combustível a cada 5000km.
Realizando as sugestões acima, o serviço de limpeza de bicos já pode ser dispensado do orçamento.

Como funciona a Limpeza de Bicos:
A limpeza de bicos pode ser feita de duas formas, na máquina de limpeza bicos por ultrassom ou por aplicação de produto específico.
Utilizando a segunda forma, um produto específico é colocado diretamente na linha de combustível, mais precisamente na flauta, e então o motor é ligado, a ação do produto nos bicos dilui a goma encrustada na válvula injetora, que consegue ser expulsa quando a válvula abre, sendo posteriormente queimada na câmara de combustão.
Na máquina de limpeza de bicos, as quatro válvulas são imersas em uma cuba com líquido solvente seguindo os passos a seguir:

1. Para retirar as válvulas injetoras o reparador dedica um pouco de atenção na sua desmontagem, antes retira-las é necessário retirar a caixa do filtro de ar, mangueira e chicotes;
2. Após liberar o acesso a flauta, esta deverá ser desparafusada(geralmente dois parafusos torx) e então retirada com cuidado;
3. Retira-se então os bicos da flauta, para isso é necessário retirar as presilhas metálicas, que saem facilmente com uma chave de fenda;
4. Então, as válvulas são instaladas na flauta da máquina de limpeza de bico, porém é comum que o reparador efetue o Teste de Vazão para verificar se as válvulas estão realmente com alguma obstrução;
5. Observada a necessidade da limpeza, o reparador coloca a flauta(com as válvulas montadas) em uma cuba com a solução de limpeza, e então é ativada a função limpeza – ultrassom. A alta frequência das vibrações do ultrassom faz com as partículas contidas nas válvulas se soltem desobstruindo-as;
6. Após a limpeza as válvulas são recolocadas na flauta(carro) e o processo está finalizado.

Conclusão – O serviço procede ou é enganação?
“Cada caso é um caso, cada carro é um carro.” Não da para generalizar, limpeza de bicos é um serviço que realmente funciona, mas que precisa ser aplicado com conhecimento e não a esmo como muitos ditos “mecânicos” fazem.

O ideal é que a limpeza de bicos seja um serviço a ser considerado em último caso, depois de revisado motor e todo o sistema de ignição e injeção. Cabe ao reparador ter conhecimento e saber por que vai incluir o serviço no orçamento. Se vai incluir, por que não fazer o Teste de Vazão para comprovar?

É um serviço que funciona e pode ser comprovado seus resultados ? Sim, mas se aplicada quando realmente for necessário.

É um serviço necessário e de prevenção ? Não, é um serviço corretivo, para preveni-lo faça manutenção no seu veículo regularmente, evite abastecer em diversos postos e principalmente nos sem procedência. Se possível, prefira a gasolina aditivada ao invés da comum. Não deixe de dar atenção ao filtro de combustível, troque sempre a cada 5000km.
limpeza_bico.jpg
©2018 Auto Center Brisola - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Hospedaweb.net.br

Please publish modules in offcanvas position.